Promotor Alexandre Serratine

23 de Março de 2021
Irmão de Mateus Scherer usava arma para impedir que pessoas ajudassem Geyson, segundo informação do promotor Serratine

A pena para o crime pode chegar até 30 anos de prisão

A promotoria vai trabalhar com três qualificadoras são elas;  Motivo fútil, o meio cruel e o terceiro agravante foi o recurso que dificultou a defesa da vítima, onde os agressores chegaram de surpresa, um deles estava armado.

Para o promotor há elementos suficiente para o jurí apreciar essas três qualificadoras

Relembre o caso;

Uma briga durante um churrasco acabou em morte no Beco Fritz Riske, bairro Pomeranos em Timbó, no dia 27 de Fevereiro, por volta das 22h20. A polícia militar informou que foi chamada para dar auxílio ao Samu, pois havia um homem caído em via pública, com sinais de espancamento e o rosto completamente ensanguentado.
Vizinhos relataram à PM que testemunharam a briga entre a vítima e o autor da agressão. O agressor também foi ao encontro dos policiais relatar que estava fazendo um churrasco em sua residência com sua família e que a vítima teria "iniciado provocações". Os dois acabaram entrando em luta corporal, terminando com a vítima jogada em via pública, sem apresentar qualquer reação.
As testemunhas relataram à PM que o autor da agressão exagerou na violência, dando vários socos e chutes, mesmo com a vítima caída ao chão. A PM afastou o agressor devido ao risco de linchamento pelos populares.
Após passar por avaliação médica no hospital, foi constatada a morte da vítima. O autor da agressão então foi preso e levado para a delegacia de polícia.