NOTÍCIAS


Especialistas afirmam que onda de calor extrema é improvável em Santa Catarina

Enquanto um calor intenso atinge várias partes do mundo, especialistas avaliam que esse fenômeno é considerado “improvável” para o estado de Santa Catarina.

Ao contrário das altas temperaturas que têm afetado a Europa com termômetros chegando a 46°C em locais como a Itália, as condições atmosféricas das regiões catarinenses não devem resultar em situações semelhantes. O verão por lá é previsto para ter chuvas abundantes e temperaturas mais amenas.

Segundo a especialista Marina Hirota Magalhães, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), essa situação é uma consequência do fenômeno El Niño, que neste ano está mais próximo da costa terrestre. Embora até o momento não tenha causado grandes impactos, espera-se que traga chuvas entre a primavera e o verão, com efeitos mais intensos a partir de novembro.

A especialista explica que para uma onda de calor intensa ocorrer em Santa Catarina seria necessário um sistema de alta pressão no estado, o que levaria à diminuição das chuvas. Contudo, isso não é esperado devido à influência do El Niño. Apenas em situações de anomalia essa condição poderia ser diferente.




21/08/2023 – Cultura FM

COMPARTILHE

SEGUE A @RADIOCULTURATIMBO

NO AR:
AUTO PROGRAMAÇÃO