NOTÍCIAS


Felipe Neto terá que indenizar mulher de SC por divulgar mensagem privada sobre a pandemia

O influenciador Felipe Neto teve sua condenação confirmada pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC). Ele será obrigado a pagar uma indenização de R$ 5 mil a uma mulher por divulgar e comentar publicamente uma mensagem privada que ela havia enviado a ele em uma rede social, referente à pandemia. A decisão foi divulgada na quarta-feira (24) e ainda é passível de recurso.

A mensagem em questão foi enviada pela moradora de Santa Catarina em maio de 2020, quando o empresário estava defendendo o isolamento social e a vacinação contra a Covid-19. A mulher teria enviado a seguinte mensagem para ele pelo Instagram: “Com toda a certeza, tudo deve permanecer aberto. O que tiver que acontecer, vai acontecer. Não adianta adiar o inevitável.”

Ao replicar a mensagem no Twitter, Felipe Neto também fez um comentário na legenda, dizendo: “Faço questão de divulgar. Assim, as pessoas próximas vão saber que essa é uma pessoa que despreza a ciência e acredita que o sistema de saúde deve ficar sobrecarregado e que milhares de pessoas devem morrer SIM. Nunca vi tanta falta de humanidade na minha vida.”

De acordo com o TJSC, o influenciador também incluiu o endereço do Instagram da mulher no comentário.

No processo, a mulher alegou que, a partir da divulgação da mensagem, sofreu uma invasão de ofensas em sua rede social, resultando em um “linchamento virtual”. Ela afirmou que, como consequência disso, precisou buscar ajuda psiquiátrica.

Na época, ela pediu uma indenização de R$ 40 mil por danos morais e mais R$ 270 por despesas médicas com consultas. Segundo o TJSC, Felipe Neto argumentou que sua conduta se resumiu a dar publicidade à opinião da mulher. Ele afirmou que não incentivou o linchamento virtual e que foi uma escolha dela manter seu perfil aberto. Ele também mencionou que a autora da ação é uma influenciadora que ganhou mais de 2 mil seguidores como resultado dessa situação.




29/05/2023 – Cultura FM

COMPARTILHE

SEGUE A @RADIOCULTURATIMBO

NO AR:
AMANHECER SERTANEJO