NOTÍCIAS


Menina desaparecida em Pomerode foi sequestrada pelo professor

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a garota de 12 anos desaparecida em Pomerode, foi encontrada no domingo (27), depois de ser mantida em cárcere pelo seu professor.

Informações iniciais davam conta de que a menina foi encontrada dopada e amarrada debaixo de uma cama. Porém as informações atualizadas do Delegado responsável pelo caso são de que a menina não estava amarrada e nem dopada. Mas estava escondida num fundo falso debaixo de uma cama na casa do seu professor.

O suspeito do sequestro foi abordado pela Guarda Municipal quando tentava sair da BR-101, no quilômetro 33, perto de Joinville. Ele estava a caminho de Barra Velha planejando se livrar do celular da menina.

Durante o apoio da PRF na abordagem, o homem confessou que a menina estava sendo mantida em cárcere na sua casa e que estava escondida em um compartimento secreto debaixo da cama.

A Policia Civil de Pomerode confirmou que o responsável pelo sequestro da garota 12 anos é o professor de matemática dela, de 55 anos.

Agora, dependendo da situação que a menina foi submetida e também das intenções do professor, ele poderá ser acusado de sequestro ou cárcere privado contra menor de 18 anos.

Tanto a adolescente como o professor, viviam no bairro Testo Rega, em Pomerode.

Imagens divulgação PCSC.

Últimas atualizações: em coletiva de imprensa realizada hoje (28), o Delegado de Pomerode, Antônio Godói, informou que o professor foi autuado pelo crime de estupro de vulnerável e sequestro ou cárcere privado contra menor de 18 anos para fins libidinosos (para satisfazer algum prazer sexual), além de fraude processual. A Delegacia de Pomerode representou na justiça pela prisão preventiva do homem, que foi encaminhado ao Presídio de Blumenau.

 

 




28/08/2023 – Cultura FM

COMPARTILHE

SEGUE A @RADIOCULTURATIMBO

NO AR:
VOZ DO BRASIL