NOTÍCIAS


Morador de rua ateia fogo em galpão e assiste empresário alemão morrer em meio às chamas

A Polícia Civil de Penha elucidou as circunstâncias de um incêndio em uma residência ocorrido na noite da última sexta-feira (02), no km 110 da BR 101, confirmando a natureza criminosa que resultou na trágica morte de Dietmar Frenkle, um consultor de gestão industrial de origem alemã.

As investigações revelaram que o trágico episódio foi o desfecho de um confronto entre Dietmar e um morador de rua de origem argentina, que residia em uma estrutura precária próxima ao local do incêndio. A propriedade incendiada servia como depósito para uma empresa local.

De acordo com o delegado Rafael Lorencetti, o confronto ocorreu por volta das 20h da sexta-feira (02), culminando em uma ação violenta e premeditada por parte do morador de rua.

Após um desentendimento, o criminoso prendeu a vítima dentro do imóvel e, em um ato de extrema violência, ateou fogo ao local. Chamou atenção o comportamento frio e ignóbil do andarilho, que permaneceu  no local observando o incêndio consumir a estrutura e, com ela, a vida de Dietmar.

As autoridades agiram prontamente, resultando na prisão em flagrante do responsável pelo incêndio. Posteriormente, a prisão foi convertida em preventiva, assegurando que o acusado permaneça à disposição da justiça. Atualmente, o indivíduo encontra-se detido no presídio da Canhanduba.




07/02/2024 – Cultura FM

COMPARTILHE

SEGUE A @RADIOCULTURATIMBO

NO AR:
ENCONTRO DA NOITE