NOTÍCIAS


Segunda vítima da explosão de etanol em Rio do Sul falece após quase um mês de internação na UTI

Após quase um mês de luta pela vida na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), Raissa Pacheco, de 15 anos, tornou-se a segunda vítima fatal da explosão de etanol que ocorreu em Rio do Sul, no Alto Vale do Itajaí, em 11 de novembro. O trágico incidente atingiu três pessoas e resultou na perda do irmão mais novo de Raissa, Miguel Pacheco, de 8 anos.

A adolescente sofreu queimaduras em 80% do corpo devido à explosão e subsequente incêndio que consumiu a casa de madeira onde a família residia. Cinara Pacheco, mãe das vítimas, também foi atingida e permanece hospitalizada com queimaduras de terceiro grau em 50% do corpo.

Segundo relatos do Corpo de Bombeiros Militar, o acidente ocorreu enquanto a família manuseava uma panela com álcool etanol. A explosão ocorreu ao adicionar mais álcool ao recipiente, resultando em chamas que se propagaram pelo quarto onde a mãe e a filha foram gravemente feridas.

No momento da chegada dos bombeiros ao local, as chamas já haviam sido controladas por populares, e as vítimas foram encaminhadas ao Pronto Socorro do Hospital Regional de Rio do Sul. Infelizmente, o menino de 8 anos não resistiu aos ferimentos e faleceu no local do acidente.




08/12/2023 – Cultura FM

COMPARTILHE

SEGUE A @RADIOCULTURATIMBO

NO AR:
TARDE ALEGRE