NOTÍCIAS


Venda de iPhone é suspensa no Brasil

O Ministério da Justiça determinou a suspensão de venda dos smartphones da marca Apple sem os carregadores. A empresa foi multada em R$ 12 milhões. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) nesta terça-feira (6).

Desde outubro de 2020, a empresa deixou de incluir o adaptador de tomada dos carregadores. O argumento da companhia para a mudança era baseado em “questões ambientais”, já que supostamente muitos usuários já tinham carregadores em casa.

Em outubro de 2021, o Ministério da Justiça e Segurança Pública notificou a empresa pela mudança e em maio de 2022 a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), que é ligada à pasta, orientou a entidade de defesa do consumidor Procon a iniciar processos administrativos contra a Apple pela venda de celulares sem carregadores.

A concorrente Samsung, que também seguiu a mesma estratégia e deixou de incluir os carregadores, também foi notificada na ocasião.

No texto publicado no DOU, o Ministério da Justiça fala da aplicação da multa no valor de R$ 12.274.500 e na “cassação de registro dos smartphones da marca iPhone introduzidos no mercado a partir do modelo iPhone 12”, além da “suspensão imediata do fornecimento de todos os smartphones da marca iPhone, independentemente do modelo ou geração, desacompanhados do carregador de bateria”.




06/09/2022 – Cultura FM

COMPARTILHE

SEGUE A @RADIOCULTURATIMBO

NO AR:
REPÓRTER CULTURA